m
Janice
Perez
Brasil
vivendo em Belo Horizonte . MG
61 anos . joalheira . escultora

Desde a adolescência, crio peças de moda. Comecei fabricando sapatos, que vendia aos mais próximos. O hobby virou profissão e me tornei estilista de calçados, passando por algumas das maiores marcas nacionais entre as décadas de 1980 e 1990.

Em 2000, fui em busca de novos desafios, estimulada pela necessidade de uma atividade que aliasse valores estéticos e éticos. Trabalhei com consultoria de moda e, após uma pesquisa profunda sobre alternativas sustentáveis, comecei a esculpir anéis em 2007.

Janice Perez por Projeto Curadoria
// Quais ferramentas você utiliza para se expressar?

Sou autodidata e, como meu trabalho é pouco comum, desenvolvi a maior parte das técnicas e dos instrumentos que uso para esculpir os anéis. Ao começar a pesquisar escultura, percebi que a maioria dos trabalhos é feito em madeiras mais macias e em peças de médio ou grande porte. Como esculpo peças pequenas e em madeira de lei ecologicamente corretas, tive de explorar novas possibilidades.

// Qual sua maior motivação para criar? O que te inspira?

A fauna e a flora do Brasil são fontes importantes de inspiração. Muitas das minhas linhas têm formas baseadas em flores, em pássaros, no ambiente marinho. Também me encanto pela arquitetura, as linhas e sombras de alguns edifícios.

Janice Perez por Projeto Curadoria
Janice Perez por Projeto Curadoria
// Como é o seu processo criativo?

Começo pela pedra, que precisa ser incrustada na madeira. A partir do formato da pedra é que esculpo cada anel. Faço eu mesma todo o processo, do começo ao fim, sem interferência de terceiros.

// O que você faz no seu dia a dia para se manter criativa?

Estou sempre em busca de informação. Para criar, é preciso inspiração. Das formas marinhas à arte de rua. A diversidade de formas e cores me encanta.

// Quais os seus trabalhos ou projetos preferidos? Qual o motivo?

Participei de um projeto em que as joias eram criadas tendo como inspiração a obra de grandes artistas. Fiz um anel baseado no trabalho do escultor Cassiporé, por quem tenho grande admiração. Conceitualmente, esse trabalho é um dos meus preferidos.

Janice Perez por Projeto Curadoria
Janice Perez por Projeto Curadoria
// Você teve algum marco importante na sua carreira ou um momento decisivo? Como isso influenciou sua trajetória?

A participação na London Fashion Week foi um momento muito importante. Fui selecionada, em 2013, para a Esthetica, braço verde do evento. Foi muito importante ser vista pela imprensa do mundo todo, ainda mais tendo sido a única brasileira radicada no país a participar da LFW.

// Quais são suas influências, inspirações ou artistas preferidos? Como isso se reflete no seu trabalho?

A arquiteta Zaha Hadid, os artistas plásticos Sipho Mabona e Tunga são alguns exemplos. Além disso, me inspiro muito nas formas da natureza, em plantas, pássaros, montanhas e rios, em peixes e outros animais, as formas físicas e a maneira como se movimentam.

Janice Perez por Projeto Curadoria
Janice Perez por Projeto Curadoria
// Ainda existe algum preconceito em relação a mulher se expressar livremente? Você sente isso no seu trabalho?

Estamos em um mundo machista, em que ser mulher é ocupar um lugar secundário na sociedade, como se estivéssemos em função do lugar masculino. Na arte, não é diferente. Os homens têm muito mais espaço do que as mulheres, são mais respeitados e reconhecidos. Mesmo que isso não interfira tanto no meu processo criativo, percebo que o reconhecimento do trabalho das mulheres é muito mais demorado, quando vem.

// E o que te faz feliz?

Exercer o meu ofício, criar. É como me sinto plena.

// Quais dicas você daria para outras mulheres potencializarem suas criações?

Siga seu coração, se liberte dos julgamentos dos outros. Faça o que te faz feliz, é isso que faz o mundo melhor.

// Você tem algum novo projeto em andamento?

Sempre tenho alguns projetos em andamento, mas os atuais estão em processo de amadurecimento. Em breve, darei mais detalhes.

Janice Perez por Projeto Curadoria
COMPARTILHE
b
//+entrevistas